Rumiko Takahashi

A autora de Inu-Yasha é uma das artistas de mangá mais respeitadas – e ricas – do Japão. Com 17 anos, Rumiko era ávida leitora de mangás e costumava copiar alguns de seus autores preferidos – Osamu Tezuka (Princesa e o Cavaleiro), Fujio Akatsuka (Namachan e Akochan) e Ryioichi Ikegami (Cring Freeman). Mais tarde, após passar pelos rigorosos exames para entrar na escola Nihon Josei-Dai, a autora foi morar em Tóquio. Toda a experiência de vida adquirida nesta fase serviu de base para o mangá Maison Ikkoku. Ao mesmo tempo que conseguiu entrar na faculdade, Takahashi se inscreveu no curso de mangá Gekiga Sonjuku, onde passou a ter aula com o renomado Kazuo Koike (um dos criadores de Lobo Solitário). Sem muita demora, ela revelou seu talento. Com Urusei Yatsura, uma comédia repleta de fantasias, ganhou o Prêmio Anual da Shogakukan na categoria de Novos Talentos, em 1978. Este seu primeiro grande sucesso, encerrou no volume 34, com a incrível marca de 20 milhões de exemplares vendidos só no Japão. Nos anos seguintes, Rumiko emplacou outros grandes sucessos, como Ranma 1/2 e Inu-Yasha, cuja vers?o animada é uma das mais vistas no Japão e um grande sucesso no Brasil.

Perfil Rumiko Takahashi
Nascimento: 10 de outubro de 1957
Local: Niigata
Principais obras
(em mangá): Turma do Barulho (Urusei Yatsura) – 1977, Maison Ikkoku – 1981, Ranma1/2 – 1987 e Inu-Yasha – 1996

Obras Relacionadas: