CLAMP

Com traços rebuscados e rico em detalhes, layout inovador e enredo envolvente, o CLAMP formou uma legião de fãs no mundo todo. Mais do que isso: apesar de fazer quadrinhos voltados para o público feminino, os mangás acabaram caindo também no gosto dos meninos. Como todo mangaka, o CLAMP começou seus trabalhos fazendo dojinshis em 1984.

Há quem diga que, nessa época, o grupo era formado por 11 pessoas. O número de integrantes diminuiu com passar do tempo até ficar reduzido a um núcleo de quatro produtoras: Ageha Ohkawa (ex-Nanase Ohkawa), a líder do grupo, responsável pelo design, argumentos e roteiros; Mokona (ex-Mokona Apapa), a desenhista; Satsuki Igarashi, que cuida do design, desenvolvimento e, às vezes, faz ilustrações; e a também desenhista Tsubaki Nekoi (ex-Mick Nekoi). Os pseudônimos entre parênteses são os nomes pelos quais elas eram conhecidas até 2004, quando mudaram de pseudônimos.

Obras Relacionadas:

Newsletter Receba as Novidades por E-mail!